Fiscalização resgata 11 trabalhadores em situação análoga à escravidão em Guarantã do Norte e Itaúba

Os trabalhadores foram encontrados em condições degradantes; um grupo estava alojado em um curral e, o outro, em local que servia de galinheiro

21/09//2021 - Onze trabalhadores foram resgatados de condições análogas às de escravo em duas fazendas no norte de Mato Grosso. O resgate foi realizado entre os dias 8 e 16 de setembro em uma ação conjunta do Grupo Especial de Fiscalização Móvel de Combate ao Trabalho Escravo, da Subsecretaria de Inspeção do Trabalho, acompanhado por uma membra do Ministério Público do Trabalho (MPT), técnicos de segurança do MPT e pela Polícia Federal.

Continue Lendo

Imprimir

Projeto de leitura de Juína apoiado pelo MPT e pela Justiça do Trabalho concorre ao Prêmio Innovare

29/06/2021 - O projeto Gestão e Acervo e Acessibilidade do Sistema Municipal de Bibliotecas de Juína, integrante do Plano Municipal do Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas (PMLLLB), que já conquistou quatro prêmios nacionais e um internacional, concorre agora ao Prêmio Innovare, o maior do segmento jurídico no país. Em 2020, o projeto foi implantado com apoio financeiro do Ministério Público do Trabalho em Mato Grosso (MPT-MT) e da Justiça do Trabalho, que, juntos, destinaram cerca de R$ 187 mil à iniciativa.

Continue Lendo

Imprimir

Alta Floresta recebe R$ 523 mil em destinações para enfrentamento da Covid-19

14/06/2021 - O Ministério Público do Trabalho em Mato Grosso (MPT-MT) e a Justiça do Trabalho fizeram destinações de cerca de R$ 523 mil para ações de enfrentamento da Covid-19. Os recursos foram direcionados para o Instituto Federal de Mato Grosso (IFMT – campus Alta Floresta), para o Hospital Regional de Alta Floresta (HRAF) e para o Comando Regional VII, que inclui a 7ª Companhia Independente Bombeiro Militar de Alta Floresta (7ª CIBM), a 12º Companhia Independente Bombeiro (12º CIBM), em Colíder, e o Núcleo Bombeiro Militar de Guarantã do Norte.

Continue Lendo

Imprimir

MPT e Justiça do Trabalho destinam 950 mil reais para Corpo de Bombeiros de Alta Floresta

31/05/2021 - O Ministério Público do Trabalho em Mato Grosso (MPT-MT) e a Justiça do Trabalho destinaram 950 mil reais para dois projetos da 7ª Companhia Independente de Bombeiros Militar de Alta Floresta, município localizado a 790km de Cuiabá. O recurso que vai custear os projetos é decorrente de um acordo judicial firmado pela Companhia Hidrelétrica Teles Pires S.A. com o MPT, homologado pelo Tribunal Superior do Trabalho em janeiro deste ano.

Continue Lendo

Imprimir